sábado, agosto 29, 2009

Arsenal - Gilles Cantuel


Uma notícia me chamou a atenção na última quinta-feira, dia 27/08. No site do Terra, a manchete era PM: falsa bomba deixada em ponte de SP era perfume.
A matéria é sobre uma ação do GATE (Grupo Tático de Ações Especiais), chamado para averiguar uma denúncia de bomba na ponte do Limão, em São Paulo. No final, a tal bomba era somente a embalagem do perfume Arsenal, da marca Gilles Cantuel, que tem a forma de uma granada.
A embalagem, desenvolvida em 1998 pela designers da Gilles Cantuel é de vidro pintado (possui versões na cor preta, prata, azul e vermelha) e pareceu uma granada real o suficiente para causar um congestionamento de 5 kilometros em Sampa! A tampa segue o design e se parece com o pino do explosivo. O cartucho é de madeira, imitando as caixas reais de munição.
Veja abaixo as outras versões desta agora "polêmica" embalagem:




Uma curiosidade é que existe um outro perfume que tem o mesmo (vide imagem abaixo), porém não tão literal formato de uma granada. Trata-se do FlowerBomb, da Victor & Rolf, que na minha opinião é de muito bom gosto e já foi comentado aqui no blog. Leia o post clicando aqui.

A princípio pode parecer bobagem, mas brincadeiras sem graça como esta pode levar a uma série de decisões que, apesar de bem intencionadas, podem ser equivocadas. Hoje, por exemplo já estão proibidas a produção e a venda de brinquedos em forma de armamentos. Será que esta Lei pode ser aplicada também a outros tipos de produtos de consumo, como por exemplo perfumes? Mundo afora, existem bebidas e perfumes que se inspiram no mundo das armas para seu design!

Fontes: Terra
Associated Press
FragranceNet

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vamos lá! Dê o seu pitaco! Comente!