domingo, março 18, 2007

Ânfora - O Boticário



O ano era 1979. Havia 2 anos que um jovem empresário abrira uma pequena farmácia de manipulação em Curitiba e começava a dar os primeiros passos no que se tornaria a maior rede de franchising de perfumes do mundo.
Naquele ano, o empresário Silvio Santos havia decidido concorrer com a multinacional AVON e criado a marca "Chanson" de perfumes e cosméticos. Algo não deu certo para o homem do Baú, e a marca "Chanson" foi desativada.
Da "Chanson", restou um barracão repleto de caixas contendo frascos para envase de perfume. Arrematados pelo empresário de Curitiba, estes frascos, mais tarde, se tornariam ícones da marca "O Boticário".
Não se tem notícia de quem foi o criador do design do frasco. Sabe-se apenas que no documento que transferia os direitos sobre o formato do frasco ele era chamado de Florissant.

Desde 1979, o frasco não sofreu nenhuma alteração. As tampas dos perfumes, por sua vez, sofreram várias mudanças de design, de acabamento e de material, já tendo sido de madeira, pedra-sabão até o atual plástico.
Abaixo, um breve histórico das ânforas:



Fonte: www.boticario.com e Livro: A Essencia dos Sonhos

3 comentários:

  1. Anônimo13:41

    Caro Rogério.
    Parabens pelo seu site.
    Fiquei feliz em finalmente encontrar esse perfume do Boticário no seu blog. Ele é o primeiro da foto de 7 garrafas (um breve histórico das ânforas), frasco branco e tampa de pedra sabao. Você saberia dizer o nome e se ainda existe?
    Existe um outro frasco de perfume que nao sei a marca, talvez Avon, o frasco seria uma SEREIA. Você conhece?
    um grande abraço
    Jorge
    jorgecarocas@yahoo.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Jorge

    Obrigado por sua visita!
    Estou pesquisando o nome deste perfume.
    Assim que tiver alguma informação eu posto aqui no Blog!

    Abraço

    Rogério

    ResponderExcluir
  3. Exubérance é o nome da colônia do Boticário =)

    ResponderExcluir

Vamos lá! Dê o seu pitaco! Comente!