quinta-feira, março 08, 2007

Miss Dior



Em 1947, 2 anos após o fim da 2ª Grande Guerra, Christian Dior resolve voltar no tempo e homenagear os vestidos acinturados, os espartilhos, os quadris redondos e todos os excessos da Belle Époque. Inspirados neste conceito, a Cristais Baccarat desenvolveu o frasco desta fragrância.
Um trabalho praticamente impensável para nossa época mecanizada, este frasco lembra muito as ânforas de cerâmica antigas ou mesmo urnas funerárias.
Todo trabalhado com detalhes em azul e dourado, trata-se de uma raridade do mundo das embalagens.
Anos mais tarde. o perfume recebeu um repackaging e perdeu o estilo rocóco do primeiro mas manteve todo o glamour.

No novo frasco, que você vê abaixo, é todo em vidro flint (inclusive a tampa) é todo trabalhado com relevo, com uma padronagem muito comum das capas dos meus cadernos da escola (quem não teve um caderno com uma capa desta?) e recebe um etiqueta branca e dourada.


Fonte: Revista Style
Fotos: Perfume Presentation: 100 Years of Artistry, Ken Leach e Maison Dior

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vamos lá! Dê o seu pitaco! Comente!